Com enfermeiros, hospital se 'autoisola' para evitar contaminação por coronavírus

Com enfermeiros, hospital se 'autoisola' para evitar contaminação por coronavírus

O Hospital Premier, em São Paulo, está 'autoisolado' por medida de contenção à proliferação do novo coronavírus (Covid-19). Especializado em cuidados paliativos para pessoas idosas e com doenças crônicas, o complexo de saúde propôs à parte da sua equipe, composta por 200 profissionais, a opção de se mudar, temporariamente, para o local.

Ao todo, cerca de 84 profissionais de saúde aceitaram a proposta e estão isolados, entre enfermeiros, médicos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, psicólogas, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem, trabalhadores da copa, limpeza, portaria, entre outros, estão isolados.

“Estamos protegendo as pessoas que estão aqui, os pacientes e a sociedade, na medida em que não estamos circulando e trabalhamos em área de risco", ressaltou o superintendente do hospital, Samir Salman, de 59 anos, que também se mudou para o hospital, em entrevista ao Estadão.

Receba nossas notícias por e-mail: Cadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

Salman ainda explicou que a ação visa contribuir com a população em geral, além de priorizar os cuidados com os pacientes do hospital, pois, a grande maioria é vulnerável aos riscos do vírus: "Os nossos pacientes estão no topo de risco dessa pandemia, são doentes crônicos, portadores de muitas comorbidades e com sequelas", detalhou.

Para a iniciativa, o hospital comprou 90 camas, conjuntos de roupas de cama e banho, além de três uniformes para cada funcionário. Os cuidados com a saúde dos profissionais são muitos, eles utilizam espaços separados, com local de vestiário para higiene pessoal. Outro ponto importante é que está sendo planejada até uma rotina de atividades físicas no ambiente.

O hospital ainda pensou no cotidiano dos profissionais, apesar de visitas serem vetadas, dois familiares de cada funcionário e alguns cuidadores também estão em confinamento com a equipe. "Ninguém entra, mas quem quiser pode sair a qualquer hora, sem julgamento moral. É uma decisão de foro íntimo", destaca o superintendente, ressaltando que a ação é voluntária.

Segundo Salman, a iniciativa tem sido muito elogiada pelos pacientes, com 100% de adesão: "Até nos cumprimentaram. Diante desse drama humanitário, dessa calamidade, não temos muita opção", enfatiza. Ele ainda conta que a experiência está sendo documentada: "Estão registrando, cientificamente, todos os dados, pode ser uma experiência antropológica para enfrentamento de pandemias", pontua.

Contudo, Salman lamenta que a situação de pandemia está afetando as contas da unidade de saúde. Por isso, ele explica que não tem certeza se conseguirá pagar o salário integral dos profissionais que estão em home office, mesmo sendo essa a intenção da superintendência do complexo hospitalar.  

"Teve uma grande majoração dos preços dos materiais de segurança dos nossos profissionais. Uma caixa de máscaras, que custava R$ 3,50 com 50 unidades, passou a custar R$ 200 no mesmo fornecedor. As finanças do hospital estão destroçadas", encerrou ele, em entrevista ao Estadão.  

Participe também: Grupo de WhatsApp para receber notícias de enfermagem diariamente

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do PGE é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo da enfermagem. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O PGE é o principal responsável pela especialização de enfermagem no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Redes Sociais

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados)

WhatApp (62) 9106-8783 (acesse aqui)

 

 

Endereço

Escritório - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro

CEP: 75.024-020, Anápolis - GO.

Escritório - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 911, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Escritório - Rio Grande do Norte

Rua Dr. Poty Nóbrega, 1946 - Edifício Internacional Trade Center, Sala 506.

CEP: 59056-180, Lagoa Nova, Natal - RN.

Fale conosco

Botão Pós Graduação Responsivo

Agenda de Cursos - Inscrições Abertas